Sprites registrados em cores pela 1a. vez no país

Descarga elétrica ocorrida no sul do país foi registrada por estação em São Paulo

red sprite exossDesde o primeiro trimestre de 2014 quando os primeiros registros de T.L.E feitos no Brasil a partir de estações particulares, como o caso dos registrados pelo associado da Exoss Marco Mastria, e, consequentemente demais estações de meteoros no país, a curiosidade para este tipo de fenômeno vem aumentando. A Exoss agora conta em seu acervo on-line (live.exoss.org aba T.L.E) o primeiro registro em cores de um T.L.E ocorrido no Brasil.

Nas imagens registradas no dia 20/02/2016, pode-se observar sua coloração avermelhada, conhecido como RED SPRITE.

1 - COMPOSITE

Red Sprite registrado pela estação localizada em São Sebastião/SP, imagem à esquerda original obtida pela câmera em cores, a direita imagem realçada.

Registrada pela Rede Integrada Nacional de Detecção de Descargas Atmosféricas – RINDAT bem como satélite GOES13 canal 4 as descargas ocorreram entre os estados do Paraná e Santa Catarina.

Seus registros foram possíveis através de São Paulo pois a câmera instalada opera com baixa elevação o que permite grande alcance. Veja aqui o vídeo.

2 - GOES13

Satélite GOES13 canal 43 - RINDAT

Sistema RINDAT

4 - ALCANCE

Estação EPS/SP situada em São Paulo no dia 20/02/2016 sua área de cobertura permitiu os registros.

Na imagem é possível visualizar que há um distanciamento evidente da câmera pelo Red Sprite registrado, fazendo com que ele aparenta ser pequeno, mas esse é um efeito ótico dado a distância a que foi observado o evento.

T.L.E’s são grandes em proporções e passam despercebidos pois ocorrem em uma fração muito minúscula de tempo, alguns podem atingir até 500km de extensão como os Elves.

5 - MARTIN6 - MARTIN7 - MARTIN

Dimensões de eventos luminosos transientes T.L.E, cortesia Martin Popek 8 - SPRITE PERTO

Sprite registrado pela mesma câmera visualmente maior pois o evento ocorreu na região oceânica do estado de São Paulo

No último dia 15/02/2016 as estações CDR, MCZ e EPS situadas em São Paulo também realizaram registros e triangulações de T.L.E’s.

9 - PAREAMENTO

Triangulações de T.L.E registradas pela Exoss dia 15/02/2016

Câmeras de alta definição ativas no Japão estão possibilitando um maior entendimento neste fenômeno que, somente nos últimos 25 anos, tem sido melhor compreendido através dos estudos.

Edição: Eduardo P. Santiago

Referências:
 
1.“Sprites, Elves and Intense Lightning Discharges” Martin Füllekrug,Eugene A. Mareev,Michael J Rycroft  - NATO Science Series
2. https://pt.wikipedia.org/wiki/Evento_luminoso_transiente
3. http://www.tau.ac.il/~colin/courses/AtmosElec/ChenISUAL08.pdf
4. http://sigma.cptec.inpe.br/
5. live.exoss.org

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Qual sua opinião sobre este post? Deixe seu comentário.