Nova ferramenta desenvolvida pela Exoss: Analyzer Helper

Ferramenta em fase Alpha de desenvolvimento permitirá rapidez e qualidade dos dados

Uma rede de monitoramento de meteoros tem etapas diárias de trabalho para coletar, analisar e estudar os dados. Para a coleta é necessário que o equipamento da estação esteja com todas as configurações adequadas para que os registros sejam feitos com a precisão necessária, sem erros nos critérios técnicos e problemas de gravação dos arquivos.

Posteriomente, após a limpeza das capturas falsas como aviões, insetos, etc. é iniciada a segunda etapa que é a análise da captura, que também requer atenção para o atendimento dos critérios técnicos, que torna os dados válidos para os estudos. Esta fase é crucial e exigia tempo e atenção do associado, para concluir as análises.

Mas a Exoss adotou a partir de 11 de fevereiro uma nova ferramenta que irá auxiliar os associados a realizarem a checagem dos dados e garantir a qualidade destes, antes de ser feito o sincronismo para o banco de dados da rede. A iniciativa faz parte do projeto de consolidação de uma base de dados única no país, garantindo assim a qualidade das informações coletadas no Brasil.

1

A direita, tela principal do software de análises Ufoanalyser, amplamente utilizado por redes da Asia, Europa e Exoss, a esquerda, aplicativo que irá auxiliar exibindo quais dados devem ter uma maior atenção para tratamento.

A ferramenta foi desenvolvida pelo Associado Marco Mastria e nomeada de EXOSS ANALYSER HELPER, e nesta fase inicial (Alpha) temos funções que, a partir da coleta de informações nos testes, irá garantir futuras implementações de mais funções, com os associados já utilizando e colaborando com o aperfeiçoamento da mesma.

O processo se baseia em arquivos de logs gerados pelo software da suíte SonotaCo que são criados para cada registro de meteoros captados pelas estações e devem ser consultados um por um para aferir a qualidade dos dados, velocidade angular de cada frame por exemplo. Este processo é demorado, uma vez que tais parâmetros não são exibidos na tela principal do aplicativo, obrigando a consulta individual de cada um e trocas de telas. É nessa lacuna que o aplicativo Exoss economiza metade do tempo de análise bem como mostra em tempo real e de forma gráfica a situação atual da captura e seus parâmetros principais.

2

Arquivo exemplo de log de análise com informações a serem consultadas concomitante ao uso do software

3

Tela principal do software, sua interface, parâmetros e terminologias na fase de testes

4

Interface oferece em tempo real quantidades de capturas a serem analisadas, dentro dos parâmetros iniciais e os que precisam de atenção para calibração

Grande parte das publicações atuais são baseadas na suíte SonotaCo/UfoOrbit para sua confecção e para isso são utilizadas funções embutidas para redução de dados ao utilizar recursos do próprio programa.

5

Software Ufoorbit possui ferramentas que auxiliam na redução de dados para posterior utilização em artigos (Q0,Q1,Q2 e Q3), ferramenta é utilizada na eliminação de parâmetros inconsistentes e visa um maior aprimoramento da base de dados de uma rede que venha a fazer uso da ferramenta.

A ferramenta Exoss Analyser Helper  monitora as atividades dos softwares UfoCapture e UfoAnalyser faz nos arquivos, auxiliando na qualificação dos dados em todas as estações antes de serem inseridas no banco de dados Exoss ao serem sincronizadas com o software ExossSync. Assim, a redução de dados se tornará mais eficiente, pois os critérios de qualidade são praticados desde a captura da estação até o tratamento dos dados.

No futuro o software permitirá a Exoss acompanhar em tempo real as análises e gráficos dinâmicos das estações mês a mês,  facilitando a consolidação das análises da rede anualmente. Essa preocupação com a qualidade dos dados é a demonstração da seriedade dos estudos que nosso projeto de ciência está desenvolvendo com a participação dos cidadãos cientistas associados.

Referências:
IMO
UFO Analyzer
UFO Orbit
Meteor science Analysis of the SonotaCo video meteor orbits.

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Gostou deste post? Ficaremos felizes com seu comentário