Atividade da Chuva de Meteoros Lyrids 2017

chuva lyrids exoss

INTRODUÇÃO

Lyrids de Abril (LYR, chuveiro IAU número 6) é uma chuva de meteoros que ocorre de 16 a 25 de abril de cada ano. Seu radiante está localizado na constelação de Lyra, próximo da estrela mais brilhante da constelação, Alpha Lyrae (Vega ). Seu pico é  dia 22 de abril de cada ano.

A Lyrids é gerada pelo cometa periódico Comet Thatcher, ou C / 1861 G1, que foi descoberto pelo astrônomo amador americano AE Thatcher em 5 de abril de 1861. Ele possui um período orbital de cerca de 415 anos e seu próximo periélio será em torno do ano 2276.

HISTÓRICO DA CHUVA

O primeiro registro da chuva de meteoros Lyrids vem da China, onde uma tempestade de meteoros Lyrids foi observada em 687 aC.

Zuo Zhuan, uma das primeiras e mais importantes obras chinesas da história narrativa, menciona que “no quarto mês no verão no ano de xīn- Mǎo, à noite, estrelas fixas tornam-se invisíveis, a meia-noite, as estrelas caíram como chuva”.

Os meteoros dessa chuva apresentam brilho tipicamente em torno de magnitude +2, mas alguns fireballs podem ocorrer, gerando trilhas visíveis por minutos.

A chuva de meteoros Lyrids oferece uma taxa de 10 a 20 meteoros por hora no seu pico. Embora considerada uma chuva tipicamente moderada, a cada 60 anos aproximadamente, ela produz  taxas muito mais elevadas do que o normal, um evento conhecido como uma explosão (outburst). O evento mais recente ocorreu em 1982, quando por um curto período de tempo, as taxas atingiram 90 meteoros por hora.

Atividade da Chuva de Meteoros Lyrids para 2017

O melhor horário para assistir é depois da meia-noite e antes do amanhecer.

  • Corpo Principal : C / 1861 G1 (Cometa Thatcher)
  • Radiante: Constelação de Lyra
  • Primeiro registro de descoberta: 687 a.C – China
  • Período: 16 a 25 de abril
  • Máximo: 22 de abril
  • TZH: 10 a 20 meteoros por hora em média

Fonte:
AMS American Meteor Society
IMO International Meteor Organization
IAU International Astronomical Union
http://earthsky.org
http://www.constellation-guide.com

Edição: Amanda Martins

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Gostou deste post? Ficaremos felizes com seu comentário