Atividade da chuva de meteoros Alpha Aurigids 2018

A chuva de meteoros é um dos eventos mais encantadores que se evidenciam em noites escuras. Popularmente chamada de estrelas cadentes, os meteoros riscam o céu causando pasmos e curiosidade a todos que os observam, para um leigo não passa de um feixe de luz que logo se desvanece, mas, para um curioso, um fenômeno repleto de informações e segredos a serem desvendados.

Quando há elevadas incidências desses meteoros vindo de uma região específica do céu e possuir uma periodicidade, denominamos de chuva de meteoros. A região do céu que aparentemente os meteoros veem, chamamos de radiante e o corpo que origina essa chuva chamados de corpo parental da chuva.

O efeito luminoso que define o meteoro é causado essencialmente pelo atrito desses copos com os gases da atmosfera terrestre, que os fazem incinerar.

Caso específico desse fenômeno é a Chuva de Meteoros Alpha Aurigids que se localiza na constelação de Auriga (o Colcheiro) no hemisfério Norte e terá como pico dia 1° de setembro deste ano.

Fig. 01. Imagem capturada do Software Stellarium referente a localização de Auriga(Cocheiro)

Para localizar Auriga(Cocheiro) e consequentemente a chuva de meteoros Alfa Aurigids, o observador deve às 03h 40min da manhã de 01 de setembro do presente ano, localizar a constelação de Gêmeos, Auriga estará logo ao norte, conforme a figura abaixo.

Inúmeros meteoros podem ser observados entre os dias 28 de agosto a 5 de setembro estando associado a essa chuva de meteoros. A maior incidência dessa chuva será dia 01 de setembro com taxa máxima de aproximadamente 6 meteoros por hora.

A origem dessa chuva está associado a passagem do cometa Kiess, formalmente chamado por C/1911 N Kiess, um cometa com elevado período orbital descoberto por Carls Clarence Kiess em julho de 1911.

FICHA TÉCNICA DA ATIVIDADE DA CHUVA DE METEOROS ALFA AURIGIDS 2018

Fontes: Exoss, Calendário , IMO

Edição: Josiane Silva. Integrante do Clube de Astronomia Mochileiros da Galáxia – CAMG e equipe da SMS Sobral Meteor Station.

O projeto Exoss Ciência Cidadã é uma rede colaborativa com a participação de universidades e institutos de pesquisa no Brasil e no exterior, e com voluntários cidadãos como você, que também pode participar e ajudar a ciência brasileira.

Compartilhe esta notícia para seus amigos e ajude o projeto!

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Gostou deste post? Ficaremos felizes com seu comentário