Palestra EXOSS no SCA 2015

Astrônomos profissionais e amadores do sul do país se reuniram nos dias 23 e 24 de julho no Campus Araranguá do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) para o 4º Simpósio Catarinense de Astronomia. 

No dia 24 de julho houve a apresentação 2, com o associado Diego de Bastiani com o tema: “Estação de monitoramento de meteoros de Chapecó – EMC/SC – EXOSS: Monitoramento de Meteoros com Câmera CCTV”. Diego apresentou os resultados obtidos em sua estação e também informações sobre os projetos desenvolvidos pela EXOSS. A palestra contou com a presença de aproximadamente 50 pessoas. 

Palestra EXOSS no SCA 2015Palestra EXOSS no SCA 2015Palestra EXOSS no SCA 2015Palestra EXOSS no SCA 2015Palestra EXOSS no SCA 2015Palestra EXOSS no SCA 2015

Palestra EXOSS no SCA 2015

Resumo da palestra: ESTAÇÃO DE MONITORAMENTO DE METEOROS DE CHAPECÓ – EMC/SC – EXOSS: Monitoramento de Meteoros com Câmera CCTV

Em Santa Catarina, na cidade de Chapecó, foi implantado um projeto associado à rede de monitoramento de meteoros EXOSS: Exploring the Southern Sky. O projeto intitulado, Estação de Monitoramento de Meteoros de Chapecó – EMC/SC está ativa desde janeiro de 2015, mas associada à EXOSS em maio deste ano. A EXOSS é uma organização sem fins lucrativos que tem como finalidade o estudo de meteoros com metodologia científica: suas origens, natureza e caracterização de suas órbitas. Os objetivos da rede é registrar meteoros e desenvolver estudos astrométricos e astrofísicos, catalogando novos radiantes do hemisfério sul, colaborando com instituições de ensino e pesquisas, contribuindo com a sociedade e ainda, incentivar a produção de artigos científicos. A rede é formada por estações de monitoramento e seus operadores, as mesmas estão equipadas com computadores, câmeras CCTV e lentes. As câmeras estão instaladas nos Estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo. A Estação de Monitoramento de Chapecó – EMC/SC conta com uma câmera Câmera PY-SH361 – CCTV, lente Varifocal F/1.0. Para registro dos dados, é utilizado o software Ufocapture, o que programa faz é detectar o movimento (qualquer tipo de movimento), podendo ser de meteoros, aviões, entre outros. Para análise dos meteoros capturados é utilizado o programa Ufo Analyzer, que através de parâmetros definidos apresenta a magnitude de objeto, trajetória e se o meteoro é esporádico ou está associado a algum radiante de uma chuva de meteoros. O trabalho consiste na apresentação da estação em Chapecó, os dados e capturas registradas até o momento, bem como os projetos futuros para monitoramento de meteoros com câmeras CCTV e outras.

Agradecemos a atenção de todos na palestra e em especial ao nosso associado Diego, pelo esforço e dedicação no trabalho desenvolvido em sua estação e seu pleno envolvimento nos projetos da EXOSS, que em breve também publicará estudos científicos com os demais associados.

Fonte: Diego de Bastiani

Fotos: Robert Magno

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Gostou deste post? Ficaremos felizes com seu comentário