“Compre sua própria chuva de meteoros” é a oferta de empresa japonesa

O que você acha desta notícia? Comente.

No esquema mais recente da florescente indústria espacial privada, uma empresa japonesa propõe iluminar a noite com estrelas cadentes feitas sob encomenda, onde você pode comprar sua própria chuva de meteoros. Mas alguns especialistas se preocupam com a desorganização do espaço e as conseqüências assustadoras desses meteoros artificiais atingindo satélites importantes.

Se tudo der certo, o céu noturno sobre Hiroshima, no Japão, será preenchido com graciosos arcos de estrelas cadentes azuis, verdes e laranjas em algum momento do verão de 2019.

Os fogos de artifício virão como cortesia de um satélite de cerca de 220 milhas de altura, pertencente à primeira empresa de entretenimento aeroespacial do mundo, a Astro Live Experiences, ou ALE .

Criada pela astrônoma da Universidade de Tóquio, Lena Okajima, a espaçonave irá circular pelo globo e expulsar de 15 a 20 pequenas pedras metálicas por comando. Essas sementes, com menos de meia polegada de largura, irão brilhar por alguns segundos brilhantes sobre a cidade da escolha do comprador.

 

Chuva de meteoros falsa
“Queremos fornecer chuvas de meteoros sob demanda.”
Queremos fornecer chuva de meteoros sob demanda”, disse Josh Rodenbaugh, membro da equipe de operações de satélite da ALE.

QUEM PODE COMPRAR A CHUVA DE METEOROS ARTIFICIAL?

Seus clientes podem ser cidades, empresas, parques de diversões, os mega ricos – qualquer um que possa pagar por um espetáculo tão espetacular. Rodenbaugh se recusou a citar um custo específico, exceto para dizer que seria menos do que os enormes fogos de artifício que as grandes cidades usam para comemorar feriados. Os fogos de artifício de Tóquio giram em torno de US$ 40 mil  dólares por fogo de artifício, segundo Rodenbaugh. “Sentimos que podemos estar abaixo desse número.” As festividades de 4 de julho em Nova York rondam US $ 6 milhões .

Leia também: Chuva artifical de meteoros no Japão

Originalmente concebido como um ato de abertura para as Olimpíadas de Tóquio de 2020 , o projeto “Sky Canvas” se transformou em um prenúncio glamoroso da nova era empreendedora no espaço. Mas alguns especialistas em satélite questionam a lógica de lançar um jateador de areia em órbita, dado o risco de que seus projéteis colidam com os milhares de satélites que empresas espaciais como a SpaceX estarão adicionando à mesma órbita.

Fonte: Buzzfeed

O projeto Exoss Ciência Cidadã é uma rede colaborativa com a participação de universidades e institutos de pesquisa no Brasil e no exterior, e com voluntários cidadãos como você, que também pode participar e ajudar a ciência brasileira.

Compartilhe esta notícia para seus amigos e ajude o projeto!

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Gostou deste post? Ficaremos felizes com seu comentário