Bólido sobre o sul do Espírito Santo

A Exoss Citizen Science registrou um bólido na madrugada de 16/05/2016 às 04:22am sobre as cidades do sul do estado do Espírito Santo. O evento foi capturado por 3 estações de monitoramento: Colatina-ES, São José de Ubá-RJ e Campos dos Goytacazes-RJ.

Se você viu este meteoro, faça seu relato visual em bolido.exoss.org

O jornal Gazeta Online fez uma reportagem sobre o evento. Também publicaram:

ANÁLISE PRELIMINARES

A altura de entrada foi de aproximadamente 91 km de altura, em cima do entorno da localidade de Mimoso do Sul-ES,  o ângulo de entrada foi em  torno de 39 graus, com relação a altura do lugar, a uma distancia de aproximadamente 200 km de distancia da cidade de Colatina, onde foi registrado o evento em toda a trajetória.

bolido sobre o sul do es

O bólido percorreu em torno de 73 km, em menos de 3 segundos, a uma velocidade inicial de 33 km/seg,  sofrendo desaceleração extrema que propiciou o seu esfacelamento em torno de 44 km de altura, acima da região de Rio Novo do Sul.

bolido sobre o espirito santo

Estimamos sua massa entre 300 a 280 gramas, sendo enquadrado em um meteoro de origem cometária, com densidade nuclear aproximada de 0.75 g/cm^3, de material poroso não gerando a queda de meteorito, pois praticamente se pulverizou. Na altura de 45 km houve um grande “flare”,  e sua magnitude visual observada dos arredores de Colatina, alcançou brilho superior a 4.0, mais brilhante que o planeta Vênus.

Estimamos pelos nosso cálculos que sua origem seja do radiante MPS: May psi Scorpiids (Fonte IAU), embora apresente discrepância quanto a sua velocidade inicial observada de 33 km/seg, acima da média das velocidades geocêntricas típicas de cerca de 24 – 25 km/seg).

Abaixo mostramos um diagrama da órbita do bólido, que possui um afélio  entre Marte e Júpiter, mais próximo deste ultimo.

As estações de monitoramento de Colatina-ES de Leonardo Simões, Campos dos Goytacazes de Carlos Henrique Barreto e São José de Uba-RJ de Marcelo Mozer, estão pareadas desde a ativação nestas cidades. Saiba mais sobre pareamento e porque isso é importante para os estudos dos meteoros.

mapa-bolido-mimoso

Mapa apontando as estações que geraram os dados para a analise desse reporte. A linha amarela representa a trajetória total do bólido.

orbita-bolido-mimoso

Diagrama da possível órbita osculatória do bólido, seu afélio esta entre Júpiter e Marte. Em vermelho representa o planeta Marte e azul a Terra, e o ponto branco na parte superior da tela o planeta Júpiter, o Sol esta no centro representado pelo ponto amarelo.

imagem-do-bolido

Imagem trilhada do bólido observado em Colatina na região de Mimoso do Sul

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Qual sua opinião sobre este post? Deixe seu comentário.