colapso gravitacional

Evolução cataclísmica de um astro, após esgotamento das suas reservas centrais de combustível nuclear, quando então ocorre uma queda de temperatura. A pressão de radiação que até então contrabalançava normalmente a gravidade produz um desequilíbrio no qual a matéria começa a se condensar em virtude do efeito gravitacional predominante. O colapso gravitacional pode parar no estágio de anã branca ou, se a massa inicial é muito grande, no estágio de estrela nêutron. Para valores ainda maiores de massa primordial, o colapso pode conduzir o astro até ao seu desaparecimento atrás do horizonte dos fenômenos do espaço-tempo, o que vai dar origem a um buraco negro.

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *